Notícias

26/08/2016, BRASIL PERDE 94,7 MIL EMPREGOS COM CARTEIRA EM JULHO

O Brasil perdeu 94.724 vagas formais de emprego em julho deste ano, informou nesta quinta-feira, 25, o Ministério do Trabalho. No acumulado do ano, o saldo de postos fechados é de 623.520 pela série com ajuste, ou seja, incluindo informações passadas pelas empresas fora do prazo. Este é o pior resultado para o período desde o início da série, em 2002. O setor de serviços foi o maior responsável pelo fechamento de vagas formais no mês de julho. Ao todo, foram extintos 40.140 postos na atividad ...

+ Leia mais

26/08/2016, ADIANTAMENTO DO 13º DEVE AJUDAR 7 MI DE SEGURADOS A SAIR DO BURACO

Aprimeiraparcela do 13º salário, que começou a ser depositada ontem para cerca de 28 milhões de aposentados e pensionistas no país, segundo a Previdência Social, servirá para aliviar a vida de muitos segurados endividados, principalmente devido à concessão de empréstimosconsignados. Com a grana na mão, especialistas em finanças e planejamento orçamentário orientam os beneficiários que o mais indicado é quitar dívidas antigas e, se ainda sobrar algum recurso, poupar o máximo possível. Edu ...

+ Leia mais

24/08/2016, BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS SALTARAM 14,7 PONTOS NO PIB EM QUASE 20 ANOS

Em menos de duas décadas, os benefícios previdenciários subiram de 4,9% do Produto Interno Bruto (PIB) para 19,5% do PIB. Contudo, especialistas alertam que há falta de conhecimento da população, não somente sobre a necessidade de reformas, como também do sistema em vigor. De acordo com dados do Tesouro Nacional, essas despesas na Previdência Social representavam em 1997 quase 5% de tudo que era produzido no País na época. Dez anos depois, esse percentual subiu 1,9 ponto percentual para 6,8% ...

+ Leia mais

23/08/2016, AUMENTO DE SALÁRIOS "EMPATAM" COM INFLAÇÃO PELO QUARTO MÊS SEGUIDO, DIZ FIPE

O reajuste salarial fechado em acordos e convenções coletivas pelo país empatou com a inflação pelo quarto mês consecutivo em julho, como mostra o boletim Salariômetro. No mês passado, as remunerações tiveram correção nominal mediana de 9,5%, o equivalente ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) acumulado nos 12 meses até o período. A proporção de ajustes abaixo do indicador voltou a crescer, passando de 25,2% em junho para 37,6%. O percentual também é maior do que o registrado em m ...

+ Leia mais

23/08/2016, AUMENTO DE SALÁRIOS "EMPATAM" COM INFLAÇÃO PELO QUARTO MÊS SEGUIDO

O reajuste salarial fechado em acordos e convenções coletivas pelo país empatou com a inflação pelo quarto mês consecutivo em julho, como mostra o boletim Salariômetro. No mês passado, as remunerações tiveram correção nominal mediana de 9,5%, o equivalente ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) acumulado nos 12 meses até o período. A proporção de ajustes abaixo do indicador voltou a crescer, passando de 25,2% em junho para 37,6%. O percentual também é maior do que o registrado em m ...

+ Leia mais